Karen Anjos, Advogado

Karen Anjos

Rio de Janeiro (RJ)
9seguidores8seguindo
Entrar em contato

Sobre mim

Advocacia moderna e eficaz
Bacharel desde 2015, habilitada pela OAB, atuante na Seção do Rio de Janeiro.
Extensão pela FGV/RIO em Direito Societário e Mercado de Capitais; Planejamento Tributário e Processo Tributário Estratégico.

Apaixonada pela advocacia e eterna entusiasta da ciência jurídica.

Sejam bem vindos!


" Teu dever é lutar pelo Direito, mas se um dia encontrares o Direito em conflito com a Justiça, luta pela JUSTIÇA." (Eduardo Juan Couture)

Correspondência Jurídica

Serviços prestados
Peças
Despachos
Andamentos
Exame de processos
Mediação
Distribuições

Recomendações

(6)
Alexandre Prestes Jasper, Advogado
Alexandre Prestes Jasper
Comentário · ano passado
Excelente explanação Dra Karen, coincidentemente também sou formado no mesmo período e com essa (razoável) experiência profissional também consigo observar diversos equívocos primários sendo praticados por muitos colegas.

Com uma imaginação fértil, acredito que os advogados mesmos estariam preocupados com outras questões e deixando a questão para seus subordinados, ora! imagino eu que um advogado que seja, mesmo que pouco, experimentado saiba que os atuais caminhos judiciais a parte fática do esqueleto de uma petição é deveras importante, decisivo para a medição do percentual de chances de êxito de uma demanda.

De outro aspecto, agora real em sem o uso da suposição, o que se observa é colegas desprendidos em efetivamente desenvolver o trabalho exclusivo para a demanda. Há o apego a "modelos prontos" e pequenas adaptações ao caso trabalhado.

Lembro-me de quando minha saudosa professora e Mestre de Direito de Família Stela Velter insistia em dizer que a jurisprudência era uma fonte de conhecimento e de como estimularia o Feeling quanto a hermenêutica do direito.

Os estudando, claro, sempre discordavam disso e debruçava-se em petições repletas de juridiquês e formatado, cometendo o erro grave de desconsiderar o considerável... os fatos!

O judiciário está repleto de ações de massa, e em sua grande maioria são demandas oriundas de um mesmo fato social desajustado que merece ser analisando o juízo, mas que em um dado momento o operador do direito (advogado, juiz e etc) deixam de debruçar sobre as nuances, detalhes e circunstâncias exclusivas e padronizam o trabalho.

Veja que há a estagnação da jurisprudência diante a maré de demanda iguais e sem aspectos pessoais específicos. Vide as ações de indenizações pela negativação indevida.

O direito e verdade é saudoso, é sublime e é esplendoroso, ele não merece ser ajustado e lidado mediante "Ctrl c" e "Ctrl v".

Perfis que segue

(8)
Carregando

Seguidores

(9)
Carregando

Tópicos de interesse

(10)
Carregando
Novo no Jusbrasil?
Ative gratuitamente seu perfil e junte-se a pessoas que querem entender seus direitos e deveres

Outros advogados em Rio de Janeiro (RJ)

Carregando

Karen Anjos

Entrar em contato